06/05/2019

Coren-MT presente em encontro do programa Apice On

  A  conselheira do Coren-MT, Lígia Arfeli, e os integrantes

 

A  conselheira do Coren-MT, Lígia Arfeli, e os integrantes da Câmara Técnica de Saúde da Mulher do Coren-MT (CTSM)  participaram nesta segunda-feira (6) do seminário do programa Apice On (Aprimoramento e Inovação no Cuidado e Ensino em Obstetrícia e Neonatologia) em Mato Grosso. O evento aconteceu no auditório do Hospital Universitário Júlio Muller, em Cuiabá.

O seminário promoveu o debate entre gestores públicos, universidades, pesquisadores e profissionais da área, com foco principal na atuação da enfermagem obstétrica.

O programa tem suas  atividades desenvolvidas em hospitais universitários ou de ensino. Em Mato Grosso, participam o Hospital Universitário Júlio Muller e o Hospital Geral Universitário.

Segundo a conselheira,  a atual gestão se empenha em fortalecer a atuação do enfermeiro obstétrico na assistência, aproximando a competência técnica da competência legal, tendo entre suas realização a instauração da CTSM.

“Recebemos várias denúncias e demandas e temos tentado proteger  essa assistência, pautados na lei do exercício profissional.  O Coren-MT tem apoiado todas as ações do Apice On e da Abenfo-MT, somos parceiros nessa empreitada, onde há muito trabalho a fazer”, disse ela.

“Há muito mais enfermeiros obstétricos atuando do que os que estão registrados junto ao Coren. Isso é um problema, pois significa que tendem a ser menos politizados. Outra questão é a falta de enfermeiros obstétricos no interior, bem como a subnotificação dos enfermeiros obstétricos, que atuam mas não têm reconhecida a sua especialização”, comentou a coordenadora da CTSM, enfermeira Renata Teixeira.

“O Hospital tem apoiado todas as atividades voltadas à atenção integral à saúde, inclusive a de cuidado com a saúde da mulher, dando atenção tanto à questão assistencial quanto a de ensino e pesquisa, por estar no interior de uma universidade pública.  Este evento  é reflexo disso”, comentou  Cassiano Faleiros, representando a Gerência de Atenção à Saúde do Hospital Universitário Júlio Muller.

“Apoiamos qualquer evento que melhore os indicadores de mortalidade materna e parto normal e estamos à disposição para fazer parte desta realidade”,  comentou o representante da Associação Mato-grossense de Ginecologia e Obstetrícia, Ângelo Gil Júnior.

Veja mais fotos:

A conselheira Lígia Arfeli, com parte dos membros da CTSM

A conselheira Lígia Arfeli a diretora da faculdade de Enfermagem da UFMT, Profa. Dra Áurea

 




  • logocofen
  • BannerLateralAnjosEnfermagem-207x117
  • Munean
  • e-dimensionamento-207x117