09/05/2022

Coren-MT recebe vista da Comissão Nacional de Técnicos de Enfermagem

O Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso (Coren-MT) recebeu

Visita Conatenf aoCoren-mt

O Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso (Coren-MT) recebeu na última semana a visita de representantes da Comissão Nacional de Técnicos de Enfermagem (Conatenf), do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen). Foram três dias de reuniões, visitas em locais de trabalho e em escolas de formação técnica.

A parceria entre o Coren-MT e a Conatenf levou a discussão sobre o Código de Ética e o piso nacional da enfermagem para a escola Grau Técnico, em Cuiabá, na quinta-feira (4/5). Os estudantes puderam esclarecer dúvidas e também entender mais sobre o funcionamento da Conatenf.

Criada em 2015, a Conatenf é a porta-voz dos profissionais de nível médio no Conselho Federal de Enfermagem, instrumento que tem o objetivo de aprimorar os debates com técnicos e auxiliares de enfermagem de todo o país.

A ação faz parte do projeto Contenf Abrace a Enfermagem, que já esteve em 10 estados brasileiros desde 2021. “Estamos visitando as regionais para fazer essa aproximação com os profissionais e também para estar mais perto dos alunos na formação”, afirmou o membro da Conatenf, Emerson Pacheco.

Além de Emerson, esteve em Cuiabá o membro da Conatenf Douglas Lírio Rodrigues. Eles foram recepcionados pelo membro da Conatenf e tesoureiro do Coren-MT, Rodrigo Machado.

Conselheiros visitaram o Samu

“A importância de estar próximo das escolas de formação é mudar a saúde em longo e médio prazo. Pudemos falar sobre o Código de Ética, que, além das obrigações, também têm direitos e dispositivos para proteger os profissionais”, explicou Emerson.

O grupo também visitou a sede do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), em Cuiabá, na sexta-feira (6), com a presença da presidente do Coren-MT, Lígia Arfeli.

“Essa parceria com a Conatenf é muito importante, para podermos ampliar o debate sobre a atuação dos técnicos e auxiliares de enfermagem no nosso estado e também no Brasil. Eles são 80% da nossa categoria, o que torna essas discussões tão necessárias”, enfatiza a presidente do Coren-MT.

Fonte: Ascom – Coren-MT




  • Transparência
  • Ouvidoria
  • logocofen
Open chat
Setor Financeiro